sábado, 6 de agosto de 2011

O CORDÃO DE FIO ESCARLATA - Josué 2.1-21

O livro de Josué é um dos livros históricos do Velho testamento. Ele narra a invasão da Terra Prometida pelo povo de Deus.

Josué foi o sucessor de Moisés. Foi o próprio Deus quem determinou que Josué assumisse a direção do povo de Israel para introduzi-lo à Terra Prometida porque Moisés já havia morrido – Js 1.2,3

Visto que a Terra Prometida deveria ser espiada com o propósito de ser conquistada, Josué enviou 2 homens para cumprirem essa tarefa – Js 2.1

A primeira cidade que seria tomada e destruída na Terra Prometida era a cidade de Jericó. Nesta cidade morava uma prostituta, uma mulher da vida, chamada Raabe. Foi na casa de Raabe que os 2 espias enviados por Josué se abrigaram.

Tendo o rei de Jericó tomado conhecimento da presença dos espias na casa de Raabe, mandou buscá-los, porém, Raabe os escondeu para que mal nenhum lhes acontecesse e pudessem voltar para o acampamento do povo de Israel a salvos.

Aterrorizada por causa da aproximação dos israelitas para conquistarem Jericó, Raabe fez um acordo com os espias, pedindo proteção para ela e para toda sua família.

Raabe, naquela noite, escondeu os espias dos agentes do rei de Jericó, ajudando-os a escaparem através de uma janela de sua casa que ficava em cima da muralha da cidade.

Quando a cidade foi invadida pelo povo de Israel, Josué poupou a Raabe e toda a sua família que estavam abrigados em sua casa.

O que levou Raabe a esconder os espias a ajudá-los a fugir foi a fé que ela depositou no Deus do povo de Israel.

Raabe era uma mulher depravada; jamais poderíamos pensar que ela fosse capaz de obter tão grande vitória mediante a fé que depositou em Deus.

Mas ela se tornou um exemplo clássico do que pode fazer a fé, mostrando-nos, ensinando-nos que não há pessoa neste mundo que esteja fora do alcance do milagre da fé.

Vs 17,18 – A mesma corda vermelha usada para permitir que os espias escapassem, teria de ser afixada à janela exterior da casa para que aquela casa não fosse invadida quando o povo de Israel atacasse a cidade. Aquilo que tinha servido de meio de escape para os dois espias também serviria de escape para Raabe e sua família – Vs 18,21

É importante entendermos que não foi a cordão vermelho colocado na janela que deu salvação a Raabe e sua família, mas sim a fé que ela depositou no milagre que Deus poderia fazer em sua vida.

O cordão vermelho era símbolo da libertação da morte, assim como o sangue do cordeiro da páscoa, passado nos umbrais da porta da casa do povo de Israel os livrou do anjo da morte na última noite que passaram no Egito, pois, tanto o sangue do cordeiro da páscoa, como o cordão vermelho na casa de Raabe, tipificavam, simbolizavam o sangue precioso do Senhor Jesus Cristo que seria derramado na cruz para realizar em nossa vida o milagre do perdão dos nossos pecados e nos dar a vida eterna.

Raabe teve sua vida salva, Deus a transformou porque ela creu em Deus e obedeceu aos espias, colocou o cordão vermelho na janela de sua casa como uma marca de que esperava em Deus.

Da mesma forma sua vida pode ser salva também. Deus pode realizar o maior milagre que é perdoar seus pecados e lhe dar a vida eterna, em semelhança a Raabe, porque, “...o sangue de Jesus Cristo nos purifica de todo o pecado” (I Jo1.5), mas é preciso seguir o passos de fé que Raabe seguiu:

O primeiro passo de Raabe foi:

1) RECONHECER QUEM É DEUS – Vs 8-11 – As notícias sobre o que Deus já tinha feito já havia chegado a Jericó; Deus já era conhecido e temido por todos os seus moradores. Raabe tinha consciência de que, o que estava acontecendo, era algo sobrenatural, entendendo que YAHWEH-ELOHIM (o Eterno Todo-Poderoso) é o verdadeiro Deus, aquele que habita nos céus e lá de cima controla todas as coisas – Vs 11 – Raabe se rendeu diante do poder de Deus, diante da Sua grandiosidade.

Um outro exemplo que temos de alguém que se rendeu diante do poder de Deus está registrado em Atos 16, quando Paulo e Silas estão presos e Deus manifesta Seu poder. A terra treme, as cadeias caem, e Deus faz tudo isso para salvar apenas um homem e sua família, que é o carcereiro de Filipos. Quando o carcereiro viu o poder de Deus sendo manifestado, ele se rendeu a Deus, e, como Raabe, perguntou a Paulo: “...o que devo fazer para que seja salvo?”, Paulo lhe respondeu: “Creia no Senhor Jesus Cristo e serás salvo tu e a tua casa”.

Creia no sangue derramado em seu favor, coloque em seu coração o “cordão vermelho” que serás livre da morte. Foi o que Raabe fez, ela creu no poder de Deus.

O segundo passo que Raabe deu foi:

2) RECONHECER O QUE DEUS PODE FAZER – Vs 12,13 – Tendo confessado sua fé no Deus de Israel, Raabe rogou que os espias jurassem que ela e sua família não seriam mortos. Ela tinha usado de misericórdia para com eles e estava rogando que Deus também usasse de misericórdia para com ela, seus pais, seus irmãos. Raabe reconheceu que Deus pode perdoar, salvar, agir com misericórdia: “...livrareis a nossa vida da morte” (Vs 13).

Misericórdia é o ato de tratar um ofensor com menos rigor do que ele merece, é uma atitude de compaixão e de beneficência ativa e graciosa expressa mediante o perdão calorosamente conferido a um pecador – Jó 8.5-7 - Lm 3.21-23

O terceiro passo que Raabe deu foi:

3) CREU NO LIVRAMENTO DO SENHOR – Vs 14-21 – quando Israel invadiu Jericó, destruindo todas as casas com seus moradores, Raabe foi salva, ela e todos aqueles que estavam dentro de sua casa, tendo como sinal, o cordão vermelho na janela.

O verso 21 nos mostra que Raabe acreditou, com o seu coração, que o livramento aconteceria, tanto que ela atou o cordão vermelho em sua janela.

Por causa desta atitude, o autor da carta aos Hebreus coloca Raabe na galeria dos heróis da fé (11.31) e Tiago a cita em sua carta como alguém que creu no livramento do Senhor e foi salva.

Todo nosso relacionamento com Deus se baseia na fé, no crer. Raabe creu, acreditou que poderia ser liberta da morte, e foi.

Foi o que Jesus disse a Nicodemos: João 3.16

Basta apenas que você creia que Cristo morreu, deu o Seu sangue na cruz para salvá-lo da morte eterna; basta apenas que você creia que o cordão vermelho simboliza o sangue de Cristo passado em seu coração para salvá-lo.

CONCLUSÃO – Raabe foi salva da morte. E não apenas isto, em Mateus 1.5 está registrado na genealogia de Jesus que Raabe casou-se com Salmon e tiveram um filho chamado Boaz que foi o bisavô de Davi de onde descendeu Cristo. Portanto, Raabe foi abençoada por Deus porque participou da linhagem de Jesus.

Tudo isso aconteceu porque ela reconheceu quem era Deus, reconheceu o que Deus poderia fazer por ela e creu que o Senhor a transformaria e a salvaria.

Deus pode fazer tudo isso com você.


Amém !

Nenhum comentário:

Postar um comentário